A Polícia Judiciária Civil cumpriu na data de hoje (03/10), com mandado de prisão preventiva o senhor Ilson Bezerra de Moura (35 anos), acusado de ter assassinado Erasmo Carlos da Silva (46 anos), com 17 facadas.

O fato tomou repercussão na época, quando trabalhadores do aterro sanitário de Paranatinga encontraram o corpo da vítima entre o lixo depositado no local, os quais de imediato comunicaram a Polícia.

Inicialmente as suspeitas recaiu sobre um colega de trabalho com o qual a vítima havia discutido uma semana antes do crime, ocasionando a demissão de ambos, mas com o andar das investigações as provas começa a sobrecair em Ilson, o qual após perceber que as provas so crime começavam a apontar em sua direção, decidiu evadir-se do distrito da culpa antes de ser interrogado.

Segundo informações policiais, após várias testemunhas serem ouvidas, o Ministério Público Estadual requereu a decretação da prisão preventiva do suspeito.

As investigações policiais realizadas na época, apontava que o suspeito teria fugido para Pedreiras, localizada no Estado do Maranhão, no entanto, posteriormente, oa fatos apontavam que este teria retornado para o Estado de Mato Grosso.

O suspeito esteve foragido por mais de 01 ano e 05 meses da data do homicídio, maa graça a competência e investigações da Delegacia de Polícia de Paranatinga e da Derf de Primavera do Leste, conseguiram rastrear e identificar o suspeito na cidade em que estaria residindo atualmente em Lucas do Rio Verde, bem como o seu endereço.

Em posse destas informações e com trabalho conjunto, as equipee investigativas em contato com a equipe de investigadores de Lucas do Rio Verde, juntamente com o apoio da Polícia Militar, descobriram o local em que Bezerra estava trabalhando, conseguiram realizar no início desta noite o cumprimento da ordem de prisão.

A Delegacia informou ainda que o suspeito será recambiado a comarca de Paranatinga/MT, onde permanecerá a disposição da Justiça.

O Delegado Regional de Primavera do Leste Rafael Fossari, o delegado de Paranatinga Pablo Borges Rigo, a Delegada Anamaria Machado Costa da Derf de Primavera do Leste e o Delegado Daniel Santos Nery de Lucas do Rio Verde, elogiaram os trabalhos dos Investigadores que participaram das investigações e diligências, bem como da Polícia Militar de Lucas do Rio Verde pelo apoio prestado, enfatizando que o trabalho em equipe e a integração das delegacias circunvizinhas e demais forças policiais são fundamentais para um resultado de êxito como este, estando todos de parabéns pelo empenho e dedicação frente as instituições de segurança.