Uma mãe matou o próprio filho e deixou o corpo dentro do estabelecimento comercial dela, em Primavera do Leste, na sexta-feira (15). Segundo a Polícia Militar, a mulher procurou um amigo da família e confessou o crime, entregando-lhe a chave da loja dela, em seguida, para que ele pudesse comunicar o homicídio à polícia.

Os nomes e as idades da suspeita e da vítima não foram informados. De acordo com a polícia, o amigo da suspeita disse que foi procurado por ela por volta das 23h30, quando ela lhe entregou as chaves da loja de assistência técnica de celular que possui no Bairro PVA III, informando que ele deveria ir até o local com a PM porque havia assassinado o próprio filho.

No local, a PM relatou ter encontrado o interior da loja “toda quebrada e bagunçada”. A vítima foi encontrada caída no chão, despida e enrolada em um cobertor. Segundo os policiais que atenderam a ocorrência, a cabeça e a face do rapaz apresentavam várias lesões. A PM chegou a acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas a vítima já estava morta.

A Polícia Civil e a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foram acionadas e o caso será investigado.