BANDIDO COVARDE – Mais um crime brutal contra uma mulher. Mais um homem bruto, frio e covarde acaba com uma família e mata uma mulher indefesa. Mais de 50 mulheres já foram assassinadas apenas nestes seis primeiros meses de 2017 em Mato Grosso. A última vítima foi brutalizada, teve a casa incendiada, sofreu queimadura graves e morreu logo em seguida.

Heloisa Moraes Nogueira da Silva, morreu logo após o meio dia deste domingo, 11, na Unidade de Queimados do Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC). A mulher veio da cidade de Campo Verde (Sul, a 150 quilômetros de Cuiabá), onde sofreu a brutalidade ainda neste domingo.

O acusado pela brutalidade, segundo as primeiras informações da Polícia, seria o companheiro dela, já identificado como Luiz Pereira da Silva, que estaria foragido desde o momento em que espancou Heloísa Moraes, dentro da casa do casal, e ainda ateou fogo na residência.

 Com mais de 90% do corpo queimado, Heloísa Moraes foi trazida às pressas para o PS de Cuiabá, mas não resistiu aos graves ferimentos e morreu logo em seguida. A Polícia iniciou uma “caçada” ao assassino incendiário, mas ainda não informou se conseguiu prendê-lo.

O corpo da mulher foi liberado por policiais sa Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) do PSMC para o Instituto Médico Legal (IML).