Foi sepultado, no cemitério municipal de Sinop, o menino de 5 anos, vítima de um atropelamento ocorrido no último dia 13, na BR-163, próximo ao assentamento 12 de outubro. O falecimento foi comunicado, ontem, à Polícia Civil. A criança chegou a ficar internada por alguns dias no Hospital Regional, mas não resistiu e morreu.

Consta no boletim de ocorrência que o acidente ocorreu na tarde do dia 13 de março. A mãe relatou que estava com o menino e outra criança às margens da rodovia federal, aguardando para atravessar. Ela contou que, ao tentar cruzar para a outra margem, o garoto acabou sendo atingido pela caminhonete GM S10 prata, placas de Itanhangá. Segundo ela, o veículo estava fazendo uma ultrapassagem.

O motorista da caminhonete, um homem de 36 anos e morador de Sinop, socorreu a criança e a levou até o Hospital Regional. Em seguida, se apresentou com um advogado na delegacia de Polícia Civil e relatou que trafegava em uma velocidade média de 100 quilômetros por hora, quando avistou a mulher e as crianças às margens da rodovia. Segundo ele, todos olhavam para o lado contrário.

O condutor da caminhonete explicou que reduziu a velocidade, mas, repentinamente, o menino entrou na frente do veículo. Ele afirmou ainda que tentou frear e desviar o veículo, mas não conseguiu, tendo atropelado a criança. Após prestar depoimento, ele foi liberado. As causas e responsabilidades pelo acidente são investigadas pela Polícia Civil.