Vacinação contra HPV para meninos já está disponível nos postos de saúde

56

Os postos de saúde começaram no início do ano a vacinação contra o HPV para meninos entre 12 e 13 anos. O Brasil é pioneiro na América do Sul e o sétimo país do mundo a incluir os meninos no programa de imunização. A vacina já é oferecida pelo SUS para as meninas e, neste ano, a campanha vai atender as garotas de 9 a 14 anos.

O combate ao HPV já foi tema de audiência pública na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado. Os participantes afirmaram que a vacina é segura, diminui o risco de novas infecções e é mais eficiente antes do início da vida sexual.

O Senado também aprovou dois projetos, já encaminhados à Câmara dos Deputados, que asseguram a vacinação de meninas pelo SUS e incluem a vacina antipapilomavírus no calendário do Programa Nacional de Imunizações (PLS 238/2011 e PLS 51/2007). O senador Humberto Costa (PT-PE), que é médico, afirmou que o combate ao HPV passou a ser uma política de saúde pública desde 2014.

Vacina para meninos HPV