Médicos do Hospital Regional dizem que estão sem salário desde julho

34

Médicos e funcionários do Hospital Regional de Sorriso emitiram um comunicado explicando os motivos que levaram a decisão de paralisarem os atendimentos desde a última quarta-feira, dia 12 de outubro.

Segundo o documentos o Governo do estado de Mato Grosso não esta fazendo os repasses desde o mês de julho deste ano, ou seja, os salários de julho, agosto e setembro não foram pagos para quem trabalha na unidade.

Além disso, alguns fornecedores estariam se negando a prestarem serviços, também por falta de pagamento,  estes ainda referentes ao mês de abril deste ano. Entre os fornecedores estariam um supermercado e até mesma uma lavanderia.

Diante dos problemas os profissionais decidiram paralisar os atendimentos ambulatoriais e as cirurgias eletivas, apenas os casos de urgência e emergência estão sendo atendidos e assim continuará, segundo o documento, até que toda a dívida do Estado seja quitada com a unidade.

 
Secretaria Estadual de Saúde

Por outro lado a secretaria estadual de saúde não sabe quando regularizará os pagamentos, explica apenas que alguns repasses foram feitos, mas reconhece que outros estão em atraso, mas não há uma expectativa de solução, o que deve só agravar os problemas. Além de Sorriso, funcionários dos hospitais regionais de Sinop, Colíder e Alta Floresta enfrentam problemas semelhantes.