Itanhangá: Jovem é preso e confessa assassinato

890

Um jovem, de 22 anos, foi preso e confessou ter assassinado um homem, de 29 anos, na cidade de Itanhangá. Segundo informações da Polícia Civil, o crime ocorreu no dia 19 do mês passado e a vítima foi atingida por cinco golpes de faca, sendo duas no pescoço, duas na cabeça e uma no braço.

A equipe da delegacia da Polícia Civil de Tapurah, que atua em Itanhangá, identificou o suspeito de cometer o crime. Questionado, o suspeito confessou ter cometido o crime na companhia de um outro jovem de 22 anos. Dias depois este comparsa também foi assassinado.

Segundo as investigações da Polícia Civil, os dois jovens estariam atuando com o tráfico de drogas em Itanhangá e o homem teria furtado entorpecentes dos dois primeiros. Parte da droga furtada foi localizada pelos policiais na casa da vítima, no dia em que ela foi assassinada.

Em interrogatório, o acusado preso confessou a autoria do crime, porém, negou a motivação levantada pela Polícia Civil, alegando que o motivo seria ciúmes de uma mulher. Após a confissão, a Polícia Civil imediatamente representou pela prisão temporária do suspeito, prontamente deferida pela Justiça e cumprida pelos investigadores.

Indagado sobre a morte do comparsa, o suspeito negou a autoria do crime, porém, mesmo com a negativa, ele é o principal investigado. Os policiais continuam as diligências para esclarecer o homicídio do jovem.

Leia também

Itanhangá: Corpo de rapaz é encontrado com perfurações no pescoço